A dancinha do Fernando Henrique

A Copa Libertadores, como diz um amigo meu, é a "Liga dos Milagres".

E é verdade. Não existe torneio no mundo com tamanha mística, com tantas viradas, com tanta emoção. A Libertadores é futebol em estado puro, genuíno. É tão mística que muitas vezes passa a impressão de que a copa "escolhe" o vencedor. Em certas edições, o torneio cria vontade própria e decreta o campeão.

E isso aconteceu esse ano.

Não durante as duas partidas, duas peladas ótimas de se assistir, com vários gols e centenas de erros de passes. E sim na decisão por penaltis.

Tipo...
a Libertadores já não tem muita simpatia pelos cariocas. Pelo Fluminense então... havia disputado 2 edições, eliminado precocemente em ambas, por clubes não lá muito grandes também. Em 2008, depois de uma mobilização e milhões gastos em contratações, o Fluminense chegou! Venceu São Paulo e Boca Juniors, de modo 'copeiro', raramente perdendo chances de gol. No meio dessas vitórias, a campanha da rede Globo para fazer os brasileiros torcerem pelo Fluminense foi bem fiasquenta, as transmissões foram vergonhosas, com manipulação de áudio para transformar a torcida do Fluminense, historicamente quieta e corneteira, em uma massa de apoio inexpugnável, uma força avassaladora que vinha das arquibancadas "cheirosas" do Maracanã, com muito pó-de-arroz e purpurina.

Chegou na final contra a LDU, clube que vinha fazendo boas campanhas e base da emergente seleção equatoriana. O empate de 5x5 ao final de mais de 210 minutos de futebol levou a Copa para mais uma decisão por penaltis.

Bom, cheguei aonde queria: os "penáis"... quando a vontade da Libertadores se manifestou, após ser zombada.

"Pero, que se pasó, boludo?"

Boludo não, mais respeito! Então, che... acontece que depois de defender seu penalti, Fernando Henrique não comemorou como gente normal - ele saiu dançando. Pois é, o cara defende um penalti na decisão da Libertadores, e sai dançando, requebrando, com sorriso no rosto, tirando sarro da história do torneio, guspindo (sim, com G) na memória de goleiros-heróis como Chilavert, Zetti, Henao, Córdoba e Higuita. Uma cena que gerou vergonha alheia em todo o continente.

Talvez, no Rio, seja tradição comemorar com assim, dançando na boquinha da garrafa. Mas a Libertadores não entende, ela é séria e amarga demais, ela gosta de sangue, gosta da vontade acima da técnica - ela só permite a alegria depois do sofrimento. Ninguém nunca venceu uma Libertadores sem respeitar a sua história e sem se moldar aos seus eternos clichês. O Fluminense quase conseguiu.

Quase.

Seria demais, um exagero, permitir que um clube médio como o Fluminense vencesse a Libertadores dentro do Maracanã. Com o ridículo Renato Portaluppi vomitando asneiras, pior ainda. Com Thiago Neves virando herói, quase impossível. Com a dancinha, o limite foi estrapolado. Não existe seriedade numa dancinha daquelas, não existe nada que lembre futebol de verdade naquela dancinha. Quando Fernando Henrique requebrou, La Copa sentenciou: "no ganaran".

O Fluminense perdeu a final mais fácil da história da Libertadores, e Cevallos, típico goleiro sulamericano (tosco, espalhafatoso, catimbeiro, cabeludo e pegador de penaltis), se tornou o herói da noite.

Ao que só me resta dizer: chora, Pedro Bial!

15 comentários:

Maurício Alejándro Kehrwald disse...

ahahhhuahuahuahuhuahuahuuhhuauahuahuahuahuhauhuahuaa

Fronergüelo é persona non grata no Rio de Janeiro.

Vinicius disse...

texto mal escrito
fraco poder de persuasão, falta de nexo.
Provavelmente não foi um jornalista que escreveu não é?
Se foi, recomendo umas aulas de redação

Alan disse...

Pelo visto vc naum entende nada de futebol hein...

Pq naum tenta um blog de humor..?

tu é mt ruim escrevendo!

sem nexo nenhum esse texto!

Fernanda disse...

QUERIDO... QUAL O SEU NOME MESMO??? BOM NÃI SEI.. E NINGUÉM SABE... QUEM VC ACHA QUE É PARA DIZER QUE O FLUMINENSE É TIME DE MÉDIO PORTE...VC FALA DO RENATO MAS É VC QUEM VOMITA ASNEIRAS... POIS SE CONHECESSE UM POUCO DE FUTEBOL NÃO TERIA NEM COMEÇADO A ESCREVER ESSE ABSURDO... UM TIME QUE GANHA SÃO PAULO E BOCA JUNIOR NÃO PODE NEM SER COMPARADO AOS OUTROS TIME DO BRASIL...PROVAVELMENTE VC É MAIS UM RECALCADO... DEVE SER PQ SEU TIME NEM DEVE TER IDO A LIBERTADORES...APRENDE PRIMEIRO...DEPOIS QUANDO TEU TIME SAIR DA CATEGORIA DE PEQUENO PORTE, E CHEGAR A UMA FINAL DE LIBERTADORES, VC ESCREVE ALGUMA COISA...INVEJA MATA HEIN!!!

André carvalho disse...

O Flu eliminou os Campeões Sul americanos(Arsenal), da Libertadores(Boca), brasileiro( São Paulo), colombiano(Atletico nacional),Paraguaio(Libertad)....Vc fala muita merda, o Flu teve a melhor campanha, mais gols marcados, menos gols sofridos e maior média de público, no Maraca fez 19 gols e sofreu 3....Tenho muito orgulho de ser tricolor e ng tira isso de mim...vc é bairrista, hipócrita, não conhece futebol e se acha no direito de diminuir um instituição centenária??????Como disse um dos maiores jornalistas do Brasil(Juca Kfouri), nos 50 anos que acompanho futebol, foi o maior show que eu vi uma torcida fazer...Ah esqueci de dizer que oFlu detém a maior goleada de um time brasileiro s/ um argentino na Libertadores...fui!!!

raphaassis disse...

VAI TOMA NO CU FILHO DA PUTA
SEU MERDA VAI ESCREVER SOBRE O CABANHAS FILHO DA PUTA

Anônimo disse...

Vai dar meia hora de cu, fdp invejoso.

James disse...

Putz... Quanta asneira (para não falar merda!) em um mesmo texto, por sinal muito mal escrito e que peca na coesão e, principalmente, na coerência. Aliás, até para criticar-se algo ou alguém é necessário conhecer a língua portuguesa, que, por sinal, não se resume apenas em gramática.

Então, segundo sua tese, foi a Rede Globo que fez com que o Fluminense fizesse a melhor campanha da primeira fase, e na do mata-mata três jogos no Maracanã com público acima de 80 mil pessoas e, convenhamos, jogos memoráveis e o que você chama de "fúria" da Libertadores nos penaltis, pudesse ter sido evitada se a arbitragem fosse imparcial e não cometesse erros crassos.

Quanto a torcida, certamente seus colegas cronistas (verdadeiros cronistas) estão errados sobre "DAR ESPETÁCULO" e apenas você (que nunca vi escrever em mídia de repercussão nacional) esteja certo e que um time centenário seja apenas um time razoável.

Sobre o time, além do já dito, jamais esqueça que foi o único brasileiro a eliminar o Boca Juniors em 40 anos e que o maior goleador em finais da Copa...

Como se vê, principiante cronista, até para se criticar alguma situação tem-seque ter argumentos sólidos.

Maurício Kehrwald disse...

Repito:
Froner é persona non grata no Rio de Janeiro.

E digo mais: eu, como considero o Fluminense TIME GRANDE e de TRADIÇÃO, dou apoio aos reclamantes.

Felipe disse...

Bah, mas tu é chato, hein tchê? Quando meu time foi campeão, o melhor em campo foi expulso depois de fazer o gol e levantar a camisa... "Ooooh, a amarga Libertadores não permite isso!"

quartoarbitro disse...

Esta época o Levado ao Colo está de regresso, com as análises às arbitragens dos jogos dos 3 grandes em http://levadoaocolo.blogspot.com

Ramón disse...

"Puro futebol", faça-me rir!!!
Você não entende absolutamente nada de futebol!!! O Fluminense é o time de maior tradição no Brasil, apesar de não ter conquistado tantos títulos como poderia, mesmo assim é Campeão Mundial de 1952, tricampeão nacional e 30 vezes campeão carioca. Já teve por 4 vezes o melhor time do Mundo(1952, 1976, 1984, 2008).
Chamar o Fluminense de médio é ridículo! A Globo não fez nenhuma alteração no áudio das partidas...eu estava no Maracanã em todas elas e saí surdo de todos oss jogos. Foram festas enormes que um time do sul jamais poderá fazer porque não têm torcida nem estádio pra isso.
Meu time eliminou o Boca Juniors da Libertadores, o seu não. Morra de inveja pelo futebol que o seu time, seja lá qual for, JAMAIS vai jogar!!!

Rafael Evangelista disse...

Os torcedores do Fluminenese não entenderam o espírito coperoypeleador do tópico. Mais um motivo pra Libertadores ter dito: não ganharão!

Olha esse:

O Flu eliminou os Campeões Sul americanos(Arsenal), da Libertadores(Boca), brasileiro( São Paulo), colombiano(Atletico nacional),Paraguaio(Libertad)....


Mas não ganhou do tradicionalíssimo plantel equatoriano, hauhauhauhauhauah. Até hoje abuso meu vizinho pó-de-arroz, foi um belo jogo.

Ramón disse...

Teu time nunca vai jogar o que o Flu jogou...
Continua chupando o dedo...teu time não se compara ao Flu!

Anônimo disse...

O fluminense não é um time de medio porte,e sim pequeno!!!!!!! Um time q só tem 2 titulos nacionais, não pode ser grande!!!!!

Postar um comentário

top