ícones do futebol II -Daison Pontes - o mito

Bom, começo o post pedindo desculpas: não achei sequer uma foto do Daison Pontes na internet para aqui colocar. Daison Pontes, apesar da falta de fotos, não é um mito tão antigo assim. Mas é um mito. Uma espécie de Charles Browson do futebol gaúcho, e isso que o futebol gaúcho é repleto de 'charles bronwsons'.
Pois o gaúcho Daison Pontes tem a ficha mais 'suja' do futebol brasileiro. E olha que na época dele e aqui no Rio Grande do Sul, muitas coisas não iam pra súmula. Segundo vários sites (mas não sei de informações oficiais, advirto), Daison foi o jogador que mais vezes foi expulso no futebol brasileiro. Sem julgamentos das atitudes, até mesmo porque não sou contemporâneo do jogador, podemos afirmar que este jogava "a morrer".

Entre as lendas futebolísticas, confirmada por vários veículos e profissionais da imprensa, se encontra o episódio de Daison Pontes com o juiz José Luis Barreto, atualmente aposentado e que cuida da direção de arbitragem no RS.
Daison Pontes jogava pelo Gaúcho de Passo Fundo, e em 1974 Barreto apitava uma partida por lá.
Pênalti contra o Gaúcho. Daison Pontes xinga José Barreto.
Barreto o sentencia: - Se eu te pegar fora de Passo Fundo, te expulso.
Daison Pontes responde: - Se tu me expulsar eu te quebro.

Barreto o "pegou" num jogo em Santa Maria (RS), Daison Pontes foi expulso.
Daison Pontes cumpriu a promessa também.

Relato do jornalista e narrador Régis Höher, numa entrevista para a PUC-RS:
"Tem coisas impressionantes. Depois de 1975 até 1982 quando eu vim para a rádio Gaúcha. Eu nunca esqueço de um lance que o Inter de Santa Maria jogava contra o Gaúcho de Passo Fundo. O Daison Pontes, um zagueiro machão, forte, num lance, tendo como juiz José Luiz Barreto, mais recentemente tornou-se diretor de árbitros da Federação Gaúcha de Futebol. O Daison Pontes agrediu* o Barreto. Eu tenho guardadas as gravações daquele lance. Eu estava narrando. "

(* um soco no rosto e pontapé)

Daison Pontes é figura lendária, e mesmo assim não pude descobrir nas pesquisas do Google foto ou paradeiro atual dele. Tentarei descobrir e publicarei aqui.

Sem nenhuma apologia à violência, o que marca a trajetória de Daison Pontes no futebol (e imagino que haja muito mais histórias por este interior gaúcho), é a autencidade do jogador. Pré-julgamentos à parte, Daison Pontes faz parte do folclore do futebol gaúcho.

Breve ficha de Daison Pontes, segundo as fontes (não sei se está completa):

1959 - agressão a adversário
1962 - invasão de campo
1963 - ofensa ao juiz
1963 - agressão ao adversário
1964 - ofensa ao juiz
1964 - ofensa ao juiz
1964 - ofensa ao juiz
1966 - agressão ao adversário
1968 - ofensa ao juiz
1969 - agressão ao adversário
1969 - atitude inconveniente
1970 - agressão ao adversário
1971 - atitude inconveniente
1972 - agressão ao adversário
1973 - agressão ao adversário
1974 - ofensa ao juiz
1974 - agressão ao juiz*

* Foi suspenso por 18 meses e voltou em 1976 apenas para encerrar a carreira.

Curiosidade:
Daison Pontes formava a dupla de zaga com seu irmão João Pontes, ao qual são atribuídas estas trangressões:
1964 - agressão a adversário
1965 - agressão a adversário
1966 - ofensa ao juiz
1966 - agressão a adversário
1967 - ofensa ao juiz
1969 - atitude inconveniente
1970 - agressão a adversário
1970 - agressão a adversário
1972 - ofensa ao juiz
1973 - agressão a adversário
1974 - ofensa ao juiz
1978 - ofensa ao juiz

Que avante encara esta zaga?

Fontes:
http://www.futebolgaucho2003.hpg.ig.com.br/curiosidades/curiosidades.htm
http://www.pucrs.br/famecos/vozesrad/regis/completa.html
http://www.museudosesportes.com.br/noticia.php?id=7110 (neste site tinha a foto, mas não "carrega" no computador)

Foto: escudo do Gaúcho de Passo Fundo

4 comentários:

Maurício Alejándro Kehrwald disse...

Melhor blog de futebol dos 506 anos do descobrimento do Brasil. Linkei no meu!
Hasta!

Alê disse...

afinal, O Inter e o Grêmio são ou não são times grandes ?

entre no blog www.debatesdesegunda.blogspot.com, dê sua opinião e participe da enquete!!!

Parabéns pelo Blog!!!
Abs
Alê

Emerson disse...

Aqui tem várias fotos dele

http://desenvolvimento.miltonneves.com.br/QFL/Conteudo.aspx?ID=62575

SPORT CLUB GAÚCHO disse...

A Rádio Planalto antecipou na manhã desta sexta-feira a nova composição da diretoria do Sport Club Gaúcho, de Passo Fundo. O clube alviverde está mais vivo do que nunca, começando a preparar da melhor maneira a sua volta do futebol, rumo ao seu centenário em 12 de maio de 2018.
A diretoria foi constituída, levando em conta o estatuto do clube. Um novo conselho deliberativo foi composto, contando com 24 titulares, 12 suplentes e mais os conselheiros vitalícios.
Projetando a volta, desde o ano passado, através de uma parceria com o Bola 10, o clube vem jogando o Campeonato Gaúcho de categorias de base.
Os dirigentes afirmam que existe a intenção de disputar a Segunda Divisão em 2010, em estádio que será definido nos próximos dias, mostrando, dessa forma, a coragem e a determinação dos dirigentes que assumiram.

Confira a composição da direção do clube periquito:
Presidente: Gilmar Rosso – empresário
1º vice-presidente: Jorge Rossato – engenheiro civil
2º vice-presidente: Marco Cittolin – advogado e professor
3º vice-presidente: Luciano Rien – administrador
Presidente do Conselho Deliberativo: Luciano Azevedo – deputado estadual, advogado e jornalista
Vice-presidente do Conselho Deliberativo: Fernando Bernardon – empresário
Presidente do Conselho Fiscal: Anielo Darienzo – empresário
Vice-presidente do Conselho Fiscal: Wiss Gabriel – empresário
Secretário do Conselho Fiscal: Edelar Pedro – bacharel em direito
Vice-presidente Administrativo: Eder Pedro – economista
Vice-presidente de Projetos Especiais: Marco Cittolin
Vice-presidente de Categorias de Base: Jorge Salton – médico
Vice-presidente de Infraestrutura: Gelson Camargo – funcionário público estadual
Vice-presidente Patrimônio e Obras: Isoldino Candaten – produtor rural
Departamento de Marketing: Alejandro Luna – empresário e Claudemir Bragagnolo – empresário
Departamento Médico: Tarcio Palma – médico
Direção Jurídica: Patrícia Alovisi - advogada
Vice-presidente de Futebol: Rudimar Pedro
Assessores de futebol: Ingo Spelmeyer, Luiz Carlos Morceli, Marcelo Marchiori e Flávio Algarve

Postar um comentário

top