Chimarrão


Por: Maurício Kehrwald

Hoje é o Dia do Chimarrão. Não tinha como não postar nada sobre o assunto.

Sei. Chimarrão não necessariamente está ligado ao futebolismo em sua essência, mas não poderíamos deixar de prestar esta homenagem a um dos expoentes máximos da cultura de um povo. O povo de Daison Pontes, por supuesto!

Gracias y hasta luego!


O ato de tomar chimarrão é algo complexo.

Não pense você que socar erva mate cuia adentro, fixar a bomba e depois encher d’água pelando é fazer chimarrão. De forma alguma! Não só não é, como conheço gente que pelaria o lombo de quem o dissesse.
Sorver o mate requer um ritual de preparação, que não necessariamente obedece a um padrão e/ou ordem específicos.

Conheço casos de personas que acordam antes do sol exsurgir, enchem a chaleira, colocam-na ao fogo alto e, enquanto esperam a água chiar, cevam o mate com cirúrgico capricho, sem esquecer, claro, de dar a cuspida do primeiro mate frio no chão. Mesmo estando em uma cozinha de apartamento.


Há aqueles, mais campeiros - porém não muito - que acordam cedo, machado em punho, semblante lenhadoril e botina sete léguas. Estes caminham floresta adentro (usualmente é um matagal tosco) e cortam a própria lenha. Carregam-na até em casa, colocam no forno à lenha, para, aí sim, dar-se início ao processo.

E, finalmente, cito aquela casta mais ortodoxa, que considera hortelã no mate coisa de fresco. Para estes, água de chimarrão tem que estar fervendo, pelo menos. E quem passar a cuia com a mão direita toma pranchaço de facão na cara.

Evidentemente, não só de subjetividades no ato de prepará-lo vive a tradição. Inclusive tenho um amigo, colorado doente, que não toma chimarrão em cuia com o símbolo do Grêmio e exige ver o pacote da erva, pois “nunca se sabe”.
Muitos são os hábitos dos que sorvem o mate amargo.

Mas poucos são os que cultuam a prática com tamanho fervor quanto o Cunha o fez.
A história do Cunha é mais ou menos assim: depois de 30 anos trabalhando como funcionário público - deixou de levar o mate somente uma única vez, quando sua mulher faleceu e ele esqueceu a cuia no velório - aposentou-se e comprou uma propriedade rural, onde passava os dias tomando mate fervendo e atirando em qualquer coisa provida de vida que lhe cruzasse a vista. Anos depois, quando acometido de um câncer na garganta, já agonizante em seu derradeiro leito, ainda pediu para um filho seu:

- Tonico, me traga um amargo bem quente.
- Mas e tua garganta, pai?
- Vou matar o bicho escaldado!


foto: www.comqueroupa.blogspot.com


5 comentários:

Anônimo disse...

A Nosa superiorid es muy Grand

Dedicado a brasileños iludidos)

Hace unos años escribí un post en la temporalmente caida Redó donde afirmaba que los mejores 4 goles de la historia de los mundiales habian sido argentinos. Y eso antes de los 25 toques del 2006 o la volea de Maxi. Lo dije porque los muchachos de O GLOBO habian elegido el no gol de Pelé como el mejor y la jugada del diez a Inglaterra ni siquiera figuraba en el penoso ranking. Algunos me tildarán de arlequinero pero ahora con lo del gol de Messi me surge una pregunta:

¿Por qué los brasileros no pueden hacer un gol así?

Tomemos a Pelé, Ronaldo, Ronaldinho, y Robinho. No perdamos el tiempo ni con Zico, ni con Romario, ni con Rivaldo, ni con Kaká porque no da.

Empecemos con Pelé.

Pelé tuvo que salir a in-ven-tar que el mejor gol que habia hecho en su vida no habia sido filmado. Jaja….Andá!!!. El mejor gol de la historia de Pelé son unos muñecos de Winning Eleven en modo training.

Esteban Crustille
E-mail: esteban_crustille.com.ar
Córdoba


Hola señor, en portañol.

Acá si observa que brasileños baban con gole de Messi.
prensa brasileña no para de destacar gole de Messi que es muy
parecido con gole de mejor jogador de mundo.

Messi es destaque en mundo e mostra a grande superioridad en
relación a demás.
la verdad es que so argentinos tien esa abilidad en fazer goles muy
lindo.

perguntita: ? Algun brazuca já fez algun gole asin
Caro que no .

no si tien dubida, nosa selección es a mejor, e nosos jogadoes fazen
o mundo e brazucas babaren.

decupen a nosa sinceridad, más no si pode comparar os craques
argentinos con medianos brasileños.
más una cosita. Prensa brasileña va la destacar messi e Maradona por mucho tiempo, razion la Cúal mostra que es os goles más lindo d emundo.

Más una vez pergunto: ?algun brasileño tem goles asin.
Claro que "NO"

salutos,

Esteban Crustille
Córdoba

Maurício Alejándro Kehrwald disse...

Que coisa, heinhôô, George?!

George disse...

Caro Estaban:

Alegra-me uma visita desde Córdoba.
E a sinceridade é uma virtude, não motivo de escusas.

Esteban, neste Blog não fazemos distinção entre o futebol argentino e brasileiro, no sentido de "julgar" um ou outro. Então está tranqüilo.

Sobre os gols de brasileiros e argentinos, primeiro teríamos de discutir sobre o gol. O gol é subjetivo, a beleza, a sutileza, ou qualquer outro quesito.

O gol do Messi foi belíssimo, e está certa a imprensa brasileira em repetir e enaltecer o gol e a jogada.

Mas para dizer que brasileiros não fazem gols assim, teríamos que olhar centenas de gols e aí debatermos.

De memória recordo de um do Dener (jogador da Portuguesa de Desportos), no qual também arrancava do meio-campo.

E tem outros, de jogadores e times não tão famosos, que não rendem capas de jornais.

Mas como prova que golaço independe de país, lembro de um da Copa de 94, em que um jogador arranca do campo de defesa e vai até o gol adversário. O país do jogador: Arábia Saudita. Um país sem tradição, sem títulos, sem nada (em termos futebolísticos).
Mas foi um golaço mesmo assim.

Uma pergunta: os títulos têm menos valor se não for conquistado através de golaços? Penso que não.

Curiosidade: quais os 4 gols mais bonitos da história da Copa?

Maurício Alejándro Kehrwald disse...

Desde Córdoba vem o meu querido - que nunca escondi - Club Atlético Belgrano.

Córdoba, la ciudad de las mujeres más lindas, de fernet, de la birra y madrugada sin par.

O cara escolheu o PIOR BLOG pra TENTAR arruamr uma discussão deste tipo.

Mautex disse...

Caro, legal seu blog. Você pode, se quiser, divulgar os posts dele no Ole!Ole! a primeira comunidade exclusivamente de futebol na web. Dá uma passada lá quando puder. abs Mauricio

Postar um comentário

top